Amora é um ateliê de brinquedos afirmativos e possui como missão levar representatividade negra mundo afora através de ações afirmativas, venda e doação de brinquedos afirmativos.


O Amora é fundamentado sobre a égide de três pilares



 


Qual a motivação do Amora?

 
A grande motivação pro Ateliê Amora existir, é a ausência de bonecxs negrxs no mercado, porém a gente sabe que essa ausência é só a ponta do iceberg, porque na verdade essa ausência se apóia no pensamento mercadológico eurocentrado (que faz todas as bonecas do mercado possuírem apenas um tom de pele: o branco), no racismo estrutural, presente no nosso dia-a-dia na privação de locais de fala e poder, e inclusive de acesso a determinados lugares e posições sociais. 
Essa ausência reflete na falta de representatividade negra infantil e na autoestima desses indivíduos que estão ainda construindo sua identidade.
Por isso é ~TÃO~ importante que as crianças possam brincar com brinquedos afirmativos - brinquedos que as representam.
Isso não quer dizer que uma criança negra não possa brincar com uma boneca branca.
Isso quer dizer que a criança deve ter o direito de escolha.


Quais os impactos sociais do Amora?

O objetivo do Amora é mostrar pra criança que ela é linda com a cor e o cabelo que tem, e despertar nela o sentimento de poder ser o que quiser, auxiliando no processo de construção de autoimagem, autoestima e autovalorização do sujeito negro na infância, empoderando-o para a vida adulta.
 
De acordo com especialistas, a autoidentificação é fundamental para a criança. A falta de representatividade é um  problema porque se o brinquedo não se parece com o indivíduo que brinca com ele, se esse indivíduo não se vê representado nas bonecas e bonecos com os quais brinca, a sua autoestima pode ficar comprometida.
Ao se ver representada no brinquedo, a criança cria um mundo de imaginação no qual ela se vê inserida, e não como mero expectador.